Vila confirma H1N1 em três internos. Casos são isolados e médico declara que não há necessidade de pânico na cidade
14/03/2018 - 13h16 em Saude

Aconteceu nesta manhã de sábado, 10, uma coletiva de imprensa promovida pela Vila São Cottolengo, onde foi anunciado que dos sete internos atualmente isolados, três tiveram diagnósticos confirmados para H1N1.

Desde o dia 24 de fevereiro, a Vila registrou sete óbitos. Não é possível informar se as mortes estão diretamente relacionadas com a doença. Quatro destas foram motivadas principalmente por pneumonia. Um caso encaminhado ao SVO teve resultado negativo para H1N1. Os outros dois por outras causas.

O médico, diretor técnico do Hospital da Vila São Cottolengo, Sandro Albino falou dos cuidados e prevenção permanente da instituição com os seus internos, para todas as doenças e que a contaminação pode ter vindo de visitantes e que todos os 321 pacientes da Vila foram vacinados contra H1N1, há 10 meses.

Sandro afirmou com veemência que não há motivo para pânico em Trindade e que os casos são isolados. Leonardo Izidório, diretor de Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Trindade informou que não existem outros casos de H1N1 no município.

“Iremos intensificar as formas de prevenção da doença, em todas as unidades básicas de saúde e na Unidade de Pronto Atendimento, bem como, junto aos colaboradores de todos os departamento da Prefeitura, para que possam saber informar e esclarecer a população”, destacou Leonardo que solicitará ao estado a antecipação da campanha de vacinação contra H1N1, que tem previsão de acontecer no dia 16 de abril.

Influenza (H1N1), previna-se:
1. A forma de contágio é através da saliva ou secreção nasal;
2. A vacina é o principal meio de prevenção para os grupos prioritários: doentes crônicos, crianças de seis meses a menores de cinco anos, gestantes, puérperas, trabalhadores da saúde, povos indígenas e pessoas com mais de 60 anos de idade;
3. Lavar as mãos com água e sabão com frequência, principalmente após tossir ou espirrar;
4. Não compartilhar copos, colheres, alimentos e outros itens de uso pessoal;
5. Pessoas gripadas devem evitar ambientes fechados ou aglomerações;
6. Procure a unidade de saúde em caso de gripe.

Imprensa – Prefeitura de Trindade
Fábio PH – Colaborou: Leonardo Izidório

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!